COVID-19: EUA anunciam doação imediata de vacinas ao Brasil

Redação Por: Redação

Mundo Novidades

Publicado em 04/06/2021 08:31h

COVID-19: EUA anunciam doação imediata de vacinas ao Brasil

O governo dos Estados Unidos anunciou nesta quinta-feira (3/6) que o Brasil foi incluído na lista de países que irão receber parte do primeiro lote de doação de vacinas contra a COVID-19. Por ora, o plano de distribuição inclui 25 milhões de doses. Ainda não há detalhamento sobre o número de injeções repassadas às autoridades brasileiras.

Há pouco mais de 15 dias, o presidente dos EUA, Joe Biden, anunciou que o país enviaria, a outras nações, 80 milhões de doses de vacinas contra COVID-19 até o fim de junho. O lote anunciado nesta quinta compõe o montante; não há, porém, informações sobre o contingente restante. 

Do lote inicial, ao menos 19 milhões das injeções serão alocadas pelo Covax, consórcio da Organização Mundial da Saúde (OMS). O Brasil está incluído no grupo que deve dividir 6 milhões de exemplares. Argentina, Colômbia, Costa Rica, Peru, Equador, Paraguai, Bolívia, Guatemala, El Salvador, Honduras, Panamá, Haiti, Comunidade do Caribe e República Dominicana também compõem essa parcela.

Outras 7 milhões vão para a Ásia: Índia, Nepal, Bangladesh, Paquistão, Sri Lanka, Afeganistão, Ilhas Maldivas, Malásia, Filipinas, Vietnã, Indonésia, Tailândia, Laos, Papua Nova Guinea, Taiwan, e as Ilhas do Pacífico. Por fim, 5 milhões irão para a África, distribuídas entre os países selecionados em coordenação com a União Africana.

As 6 milhões de doses restantes deste primeiro lote serão distribuídas entre parceiros regionais dos americanos como o México, Canadá, a Coreia do Sul, Cisjordânia, Gaza, Ucrânia, Kosovo, Haiti, Geórgia, Egito, Jordânia, Iraque e Iêmen. Os trabalhadores da linha de frente das Nações Unidas também serão contemplados.

 

(Fonte:EstadodeMinas)

Comentários

Deixe seu comentário abaixo sobre esta notícia:

É Notícia Barcarena - Blog de Notícias